Trituradores de lixo inovadores ajudam Milwaukee

a converter mais resíduos de alimentos em

eletricidade

Parte do sistema de efluentes de Milwaukee usa um digestor anaeróbico onde bactérias e outros micróbios conhecidos como archaea digerem esgoto em tanques fechados. À medida que os resíduos são degradados, os micróbios liberam metano, que é capturado e utilizado pelo departamento de esgotos para gerar energia para suas operações.

Os revolucionários dispositivos de coleta de lixo InSinkErator Evolution Excel® da Emerson podem triturar praticamente todos os resíduos de alimentos, inclusive cascas de laranja e banana, salsão, espigas de milho, cascas de batata e até ossos de costela, sem obstruções nem entupimentos, ajudando o Departamento metropolitano de esgoto de Milwaukee a converter mais lixo de alimentos de seus residentes em uma fonte ininterrupta de eletricidade.

Estado atual do descarte de restos de alimentos

907

kg de resíduos de alimentos

A família norte-americana média (quatro pessoas) produz cerca de 910 quilos de resíduos de alimentos por ano.

19

milhões de toneladas

Mais de 19 milhões de toneladas desses resíduos de alimentos, provenientes de residências, restaurantes e instituições, são transportados em caminhões movidos a combustíveis fósseis para aterros sanitários norte-americanos.

21

vezes mais prejudiciais

Durante sua decomposição, os resíduos de alimentos emitem metano, um gás causador do efeito estufa — que é, no mínimo, 21 vezes mais prejudicial que o dióxido de carbono (CO2) na retenção de calor na atmosfera.

 

Como a tecnologia Emerson pode ajudar

Mais resíduos de alimentos saindo pelo dreno

Os dispositivos de coleta de lixo InSinkErator Evolution Excel® da Emerson possibilitam que as famílias triturem praticamente todos os resíduos de alimentos

Pode-se criar mais energia

Um sistema avançado de efluente, como o de Milwaukee, pode capturar o metano emitido a partir da decomposição dos resíduos de alimentos e usá-lo para gerar energia.

Mais economia para a cidade

Em 2007, Milwaukee economizou de 1 a 2 milhões de dólares nos custos de energia com o metano gerado pelas estações de tratamento de efluentes da região.

 
 
 

Trituradores de lixo inovadores ajudam Milwaukee a converter mais resíduos de alimentos em eletricidade

Em Milwaukee, Wisconsin, as pessoas são encorajadas a descartar a maioria dos resíduos alimentares em seus trituradores de lixo. A razão é simples. Os trituradores de resíduos alimentares - como a mais nova linha de trituradores InSinkErator da Emerson, capaz de triturar praticamente qualquer tipo de resíduo alimentar - estão ajudando o Sistema de Esgoto do Distrito Metropolitano de Milwaukee a converter a maioria dos resíduos alimentares de seus habitantes em uma fonte inesgotável de eletricidade.

Parte do sistema de efluentes de Milwaukee - que atende 1,1 milhão de pessoas em 28 municípios espalhados por 1.065 quilômetros quadrados - utiliza um digestor anaeróbico no qual bactérias e outros micróbios, conhecidos como Archaea, digerem o esgoto em tanques confinados. À medida que os resíduos são degradados, os micróbios liberam metano, que é capturado e utilizado pelo distrito para gerar energia para suas operações. Em 2007, o distrito economizou 1,9 milhão de dólares nos custos de energia com o metano gerado pelas estações de tratamento de efluentes da região. Além disso, o distrito gera renda adicional convertendo seus biossólidos em um fertilizante natural para gramado que é vendido comercialmente.

Isso nunca foi feito antes. O desenvolvimento dos avançados trituradores InSinkErator Evolution Excel® da Emerson permite que esses dispositivos triturem praticamente todos os detritos alimentares, inclusive cascas de laranja e de banana, aipo, sabugos de milho, cascas de batata e até mesmo ossos de costela, sem entupir nem enroscar. Com sua excepcional capacidade de trituração, o Evolution Excel representa melhor opção que jogar resíduos alimentares em um saco de lixo. Além disso, o InSinkErator Evolution Excel é, no mínimo, 60% mais silencioso que os trituradores normais.

O gerenciamento de resíduos alimentares é um desafio ambiental geralmente ignorado. A família norte-americana média (quatro pessoas) produz cerca de 910 quilogramas de resíduos alimentares por ano. Mais de 19 milhões de toneladas desses resíduos alimentares, provenientes de lares, restaurantes e instituições, são transportados em caminhões movidos a combustíveis fósseis para aterros sanitários norte-americanos.

 

Durante sua decomposição, os resíduos alimentares emitem metano, um gás causador do efeito estufa - que é, no mínimo, 21 vezes mais nocivo que o dióxido de carbono (CO2) na retenção de calor na atmosfera. Alguns operadores de aterros sanitários estão tentando capturar o metano, mas os peritos afirmam que isto pode ser difícil e oneroso. Além disso, os resíduos alimentares em decomposição são misturados com outros elementos do aterro sanitário e formam um líquido chamado “chorume”, capaz de contaminar os estoques de águas subterrâneas. Embora a eliminação de resíduos alimentares por meio de compostagem seja considerada uma solução ecologicamente correta, ela não é prática para muitos domicílios localizados em conglomerados urbanos populosos, prédios de apartamentos ou em climas frios.

Décadas de estudos científicos independentes confirmam que as eliminações ajudam a controlar os resíduos alimentares biodegradáveis de maneira ecologicamente responsável. Uma vez que 70% dos resíduos alimentares são compostos de água, a trituração dos resíduos em um triturador e seu transporte pelo fluxo de efluentes (para processamento em uma estação de tratamento de efluentes) são convenientes, seguros e eficazes.

Os trituradores em si têm um rastro ambiental modesto. O dispositivo utiliza somente 1% (ou menos) do consumo total de água de um domicílio e seu custo de eletricidade é, em média, menos de um (1) real por ano.

A Emerson trabalha com comunidades - como a da cidade de Milwaukee (EUA) e outras no mundo todo - para mostrar como os trituradores de resíduos alimentares podem fazer parte de uma solução ecologicamente responsável. Algumas comunidades no Reino Unido até mesmo oferecem incentivos para que os habitantes instalem trituradores. É bom saber que essa solução está tão próxima de nós quanto a pia da cozinha.

Visite: Soluções comerciais e residenciais Emerson
Imprimir PDF
Show Video